top of page
  • Foto do escritorAntonia Nascimento

Prefeito participa de agenda, onde foi anunciado projeto piloto de resíduos sólidos no Acre


O Prefeito de Capixaba, Manoel Maia, acompanhado do Secretário de Gabinete, Honório Yoshihara, esteve em Rio Branco, na manhã desta Segunda-Feira (13), participando de uma reunião organizada pelo senador Alan Rick (União Brasil), para tratar sobre a implementação dos aterros sanitários para tratar os resíduos sólidos do Estado do Acre.


A agenda aconteceu na sede da Associação dos Municípios do Acre (AMAC) e contou com a presença do Diretor da Secretaria Nacional de Fundos e Instrumentos Financeiros do Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional, Denilson Campello. Além da presença dos demais prefeitos, parlamentares, membros do Ministério Público, secretários municipais e de Estado.

De acordo com Campello, o Acre terá projeto piloto de destinação de resíduos sólidos financiado pelo Fundo de Desenvolvimento da Infraestrutura Regional Sustentável.


O senador Alan Rick explicou que este é o terceiro encontro que organiza com representantes do governo federal e os prefeitos acreanos para a discussão de soluções para o problema.


"Desde o ano passado, estamos buscando essa solução junto ao governo federal e nós temos agora uma maneira de resolver o problema. Qual? Através de consórcios, as prefeituras poderão viabilizar os projetos totalmente pagos por este Fundo, junto ao MIDR, e desta forma poderem colocar a disposição para um leilão, para uma concessão, para uma Parceria Público Privada, a coleta de lixo, o tratamento devido dos resíduos sólidos, a construção dos Aterros Sanitários. O objetivo é trazer uma solução definitiva." - concluiu o senador.


Para o Prefeito, Manoel Maia, esse é um grande passo e que vai ajudar o município a se legalizar em relação ao marco legal do saneamento básico estabelecido pelo Governo Federal, que tem prazo limite até 2024, “Sou grato ao olhar especial que nosso Senador Alan Rick tem tido para com os municípios, pois nós prefeitos sabemos a importância da implantação dos aterros e sabemos que o município pode ser penalizado pelo Ministério Público, caso não implemente aterro dentro do prazo.

0 comentário

Opmerkingen


bottom of page